A técnica utilizada no reparo através do martelinho de ouro é muito simples. “A lataria é desmontada, pressionada de dentro para fora, de forma que volta a posição normal, corrigida na parte externa até chegar a perfeição. Para isso são usados vários tipos de instrumentos e ferramentas.
  Tanto as ferramentas como os serviços são artesanais. Usamos pedaços de madeira, espátulas de ferro, chaves de fenda, martelos, arames e às vezes até um chifre de boi - excelente para o reparo de defeitos provocados por granizo no teto.

  O custo do serviço é calculado de acordo com a gravidade do amassado. Um reparo de amassados provocados por chuva de granizo varia entre R$ 300 e R$ 3 mil, dependendo da técnica utilizada e da gravidade. Há casos em que a batida da pedra de granizo é tão forte que trinca a pintura e requer um tratamento mais trabalhoso (desamassar, raspar a tinta e repintar). O trabalho é realizado em cerca de 10 horas.
  O segredo é saber os pontos que devem ser batidos ou comprimidos para um resultado perfeito.
  O teto e o capô do carro são as partes mais prejudicadas, mas em automóveis com linhas arredondadas os danos podem se estender até as portas e laterais.
  O Martelinho de Ouro, além de ser mais acessível é a melhor opção, pois mantém a originalidade da pintura do veículo, o que se torna fator determinante na hora da venda do carro.

 
  O custo do serviço é calculado de acordo com a gravidade do amassado. Um reparo de amassados provocados por chuva de granizo varia entre R$ 300 e R$ 3 mil, dependendo da técnica utilizada e da gravidade. Há casos em que a batida da pedra de granizo é tão forte que trinca a pintura e requer um tratamento mais trabalhoso (desamassar, raspar a tinta e repintar). O trabalho é realizado em cerca de 10 horas.